18 novembro 2012

Embaixada de Angola na Turquia

Em alusão aos 37 anos da Independência nacional, o embaixador de Angola na Turquia, José Alves Guerreiro Primo, promoveu um encontro com a comunidade angolana residente naquele país.
“Hoje é um dia de reflexão, o país está numa fase de crescimento e tudo depende de cada um de nós para darmos o nosso contributo,” afirmou Guerreiro Primo no acto do corte do bolo comemorativo.
Os estudantes, por seu lado, demonstraram satisfação e alegria pela abertura da Embaixada angolana na Turquia: “Estamos muito contentes com a embaixada, visto que um dos nossos principais problemas era o da renovação dos passaportes,” realçou o estudante Wilson Kuvingua.
Falando em Ancara, capital turca, no último Domingo, 11 de Novembro (Dia da Independência nacional), o diplomata disse que “a nossa competência é que vai garantir o futuro melhor nas nossas vidas”.
Um jogo amistoso entre Angola e a Turquia (com futebolistas amadores) foi igualmente organizado para assinalar a data. Angola venceu a partida por 6-3.
A Embaixada angolana na Turquia é recente, no mês de Janeiro do presente ano, o embaixador José Guerreiro Alves Primo apresentou as suas Cartas Credencias ao Presidente da República da Turquia, Abdulah Gül. Na ocasião, o embaixador apresentou os cumprimentos do presidente de Angola, José Eduardo dos Santos, e reiterou o interesse do seu país estreitar as relações político-diplomáticas, económicas e de cooperação com aquele país.

(Fonte: O País)

06 novembro 2012

Fitch tira a dívida da Turquia do "lixo"

A Fitch converteu-se na segunda-feira na primeira agência de rating a tirar a dívida pública turca da classe de investimento especulativo, vulgo “lixo”, atribuindo a estes activos o grau de investimento.
A dívida turca de longo prazo emitida em divisa estrangeira passou de BBB- para BB+; em moeda local, a classificação passou de BBB para BB+.
Segundo a agência de notação de risco, a actualização para grau de investimento reflecte a espectativa de uma desaceleração suave de uma economia relativamente rica e diversificada que tem crescido a taxas aceleradas, assim como uma dívida pública "moderada e em declínio” e um sistema bancário sólido. Segundo a Fitch, o PIB turco deverá crescer 3% neste ano, 3,8% em 2013 e 4,5% em 2014.
Para Portugal a Fitch tem uma notação financeira de BB+, o que corresponde ao primeiro nível de "lixo".
 
(Fonte: Jornal de Negócios)



03 novembro 2012

Prisioneiros curdos em greve de fome há 53 dias

Uma greve de fome de prisioneiros que dura há 53 dias volta a exaltar os ânimos da população curda do sul da Turquia.
Vários activistas envolveram-se em confrontos com a polícia na cidade de Cizre, durante o funeral de um militante do grupo armado PKK morto pelo exército.
Em Diyarbakır, no sudoeste do país, a polícia recorreu a gás lacrimogéneo e canhões de água para dispersar uma manifestação proibida de apoio aos prisioneiros curdos.
A concentração, organizada por um grupo de dez deputados curdos, terminou com a detenção de pelo menos 20 manifestantes.
Desde há quase dois meses, que mais de 680 prisioneiros curdos cumprem uma greve de fome para exigir o fim do regime de isolamento do fundador do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), Abdulah Ocalan, detido desde 1999.
O ministério da Justiça turco assegura que os prisioneiros estão sob assistência médica, com um regime de açúcar, mel e vitaminas, uma versão desmentida por uma comissão parlamentar.
O primeiro-ministro turco assegurou hoje que não vai ceder à “chantagem” dos prisioneiros e que Ocalan vai cumprir a pena de prisão perpétua a que foi condenado.
 
(Fonte: Euronews)