03 dezembro 2008

Fernando Meira está feliz no Galatasaray

Numa altura em que o Galatasaray AŞ prepara o encontro da Taça UEFA contra o FC Metalist Kharkiv, Fernando Meira respondeu às questões dos utilizadores do uefa.com. O internacional português, que no Verão passado trocou o VfB Stuttgart pelo gigante da Turquia, deixou as suas primeiras impressões sobre a vida em Istambul e revelou preferência por actuar a defesa-central, servir o Guimarães após sair do Galatasaray e enveredar depois pela carreira de treinador.


Quando chegou à Turquia foi comparado a Gheorge Popescu, que é uma lenda do Galatasaray. O que pensa disso?
Metecan Kanbur, 18 anos, Istambul


Meira: Fiquei muito orgulhoso, porque Popescu foi um grande jogador e teve muito sucesso no Galatasaray. Ele é um exemplo para todos os jogadores deste clube e sê-lo-á para todos aqueles que no futuro venham a vestir esta camisola. É um dos melhores jogadores de sempre deste clube.


O Galatasaray pode ganhar a Taça UEFA este ano? O que pensa do facto de a final ser disputada no Estádio Şükrü Saracoğlu, a casa do Fenerbahçe?
Murat Senkoy


Meira: Penso que temos qualidade suficiente para chegar à final. Tivemos algumas lesões, mas espero que possamos estar em melhor forma em Janeiro. Mas é claro que precisamos de ter alguma sorte com o adversário que nos vai calhar em sorteio. Depois de chegarmos aos oitavos-de-final, tudo será possível. Temos qualidade para isso, mas não será fácil. E temos essa motivação suplementar de saber que a final se realizará em Istambul.


O que pensa do ambiente no Estádio Ali Sami Yen? Que efeito produz nos jogadores durante os encontros? Boa sorte contra o Metalist!
Tolga Mehmetoglu, Finlândia


Meira: É impressionante! Nunca vivi um ambiente assim em toda a minha carreira. Foi uma das coisas que mais me atraiu: o facto de saber que aqui os adeptos são loucos por futebol. É óptimo poder sentir o apoio do 12º jogador quando se compete ao mais alto nível. É difícil descrever a emoção e a força que os adeptos nos transmitem.


Como jogador do Galatasaray, como é a sua relação com os adeptos?
Ozkan Evcin, 21 anos, Turquia


Meira: Tenho um óptimo relacionamento com eles. Como já disse antes, estes adeptos são especiais, já que apoiam e vivem a sua equipa. Incentivaram-me desde que cheguei aqui e tento recompensá-los com boas exibições e muitas vitórias.


Como compara o Estugarda ao Galatasaray?
Berk Burak Bektas, 13 anos, Londres, Inglaterra


Meira: O Estugarda é um grande clube na Alemanha, mas o Galatasaray luta para vencer todas as competições em que participa, é um clube ambicioso e de topo. Esta foi uma das principais razões que me levou a vir para aqui. O Estugarda tenta chegar o mais longe possível, mas o seu objectivo principal é conquistar um lugar na Taça UEFA. O Galatasaray luta sempre para ser campeão e é isso que o torna superior ao Estugarda.


Como se sentiu quando o Galatasaray bateu o Benfica, a sua antiga equipa, por 2-0?
Serdar Selvi, 15 anos, Estugarda, Alemanha


Meira: Fiquei muito feliz, porque foi um resultado muito importante para nós. Aconteceu num estádio onde já fui capitão, onde guardo boas recordações e conservo muitos amigos. Foi um jogo muito especial para mim, mas queria ganhar. Graças a Deus que conseguimos!


Qual é o seu lugar favorito de Istambul quando não está a jogar?
John Blasing, 22 anos, Providence, EUA


Meira: Infelizmente, não tenho muito tempo para sair, porque jogamos sempre a meio da semana. Gosto de passar os poucos dias livres que tenho na companhia da minha mulher e dos meus filhos. Ainda não tive tempo para ir até ao centro da cidade, nem para ficar a conhecer Istambul. Por isso, o lugar que conheço melhor é a minha casa.


Quem considera ser o jogador mais talentoso do Galatasaray e quem é o seu melhor amigo na equipa?
Kemal Pak


Meira: Sou amigo de todos os jogadores, por isso é difícil escolher apenas um. São colegas como os que tive em Portugal: humildes, trabalhadores e de relacionamento fácil. O mais talentoso? Essa também é uma questão difícil, mas no ataque temos jogadores como Harry Kewell, Lincoln e Arda Turan. São apenas três dos muitos jogadores de qualidade que temos na equipa.


Qual foi a sensação de alinhar pelo Galatasaray no derby de Istambul frente ao Fenerbahçe? É realmente um dos maiores clássicos do Mundo?
Serdar Copur, 26 anos, Istambul, Turquia


Meira: Foi incrível! Tenho certeza de que quando visitarem o nosso estádio o ambiente será exactamente o mesmo. Queríamos muito ganhar, pois sabíamos que é o jogo mais importante da época para os nossos adeptos. Começámos bem, mas não conseguimos vencer, porque o nosso final foi péssimo. A derrota por 4-1 não reflecte o que aconteceu durante os 90 minutos. Estes encontros são fantásticos e a recepção ao Trabzonspor também se revelou uma óptima experiência.


Tem 30 anos e quando o actual contrato terminar terá 34. Pretende terminar a carreira no Galatasaray nessa altura? Considera que poderá enveredar pela carreira de treinador quando deixar de jogar?
Paulo Pincaro, 19 anos, Nova Iorque, EUA


Meira: Sim, vejo-me como treinador. É uma das minhas ambições. Sou uma pessoa muito organizada e determinada quando quero atingir um objectivo. Quando começo um projecto, não poupo qualquer esforço e só descanso quando o atinjo. O meu objectivo actual é conquistar todos os títulos ao serviço do Galatasaray nos próximos quatro anos, para depois regressar ao clube de que sou adepto, o Vitória de Guimarães. Espero ainda ter forças, quando deixar a Turquia, para ajudar o Vitória como jogador, porque esse é o meu desejo. E só continuarei a jogar depois de terminar o meu contrato com o Galatasaray se ainda tiver ambição e alegria a praticar futebol. Se isso não acontecer, tentarei ajudar o Vitória noutras funções.


O que pensa da Turquia e de Istambul?
Selami Yüksekkale, 18 anos, Ravensburg, Alemanha


Meira: É uma cidade bonita, um pouco como Lisboa, mas maior. A cidade é muito agradável, tem boas e velhas tradições e uma excelente qualidade de vida. As pessoas são calorosas e o clima é magnífico. Estou extremamente feliz por estar aqui.


Já alinhou no campeonato português e no alemão ao serviço de equipas de nomeada. Em comparação, como avalia a Liga turca?
Deniz Ilbay, Arnhem, Holanda


Meira: É um pouco como o campeonato português. Há quatro ou cinco clubes que jogam para ganhar o campeonato, outros três ou quatro que tentam chegar à Taça UEFA e os outros que lutam para evitar a despromoção. Os clubes mais pequenos estão muito bem organizados e são muito difíceis de bater. É um campeonato competitivo e isso constituiu uma surpresa para mim.


Com tantos jovens a destacarem-se em Portugal, considera que vai conseguir manter o lugar na selecção do seu país?
Hamood Maxar, 16 anos, Paquistão


Meira: É verdade, esse é um dos meus desafios. É o ciclo da vida, é preciso mudar. Ainda sinto que posso ser útil à selecção portuguesa, mas sei que há alguns jogadores com qualidade que vão despontar na equipa nos próximos tempos. Neste momento, sinto que posso ajudar a minha selecção e espero poder estar no Campeonato do Mundo de 2010, que é o meu último objectivo.


Nós, os adeptos, adoramos a equipa que jogou contra o Benfica e o Olympiacos, mas não conseguimos acreditar que é a mesma que perdeu ante o Eskişehirspor. Na sua opinião, qual a principal razão das dificuldades do Galatasaray na Liga?
Ares Shporta


Meira: As equipas pequenas, que roubaram pontos ao Galatasaray, possuem enorme motivação ao jogar contra nós. Têm uma vontade espantosa de nos derrotar e nunca é fácil jogar contra eles. Também tivemos muitas lesões e a falta de opções no banco de suplentes, às vezes, também se torna um problema para a equipa.


Em que posição prefere jogar, defesa-central ou médio-defensivo?
Özgür Sarhan, 19 anos, Ancara, Turquia


Meira: A defesa-central, sem dúvida.


Por que escolheu o Galatasaray?
Urun Murat, 24 anos, Istambul, Turquia


Meira: Principalmente porque é um clube que luta todos os anos para ser campeão. Queria deixar a Alemanha, onde passei quase sete anos, mas queria ir para um grande clube, onde pudesse voltar a ser campeão. A Turquia é um país onde as pessoas vivem o futebol com enorme paixão e só espero poder ganhar mais títulos com o Galatasaray.

(Fonte:UEFA.com)

1 comentário:

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil! - disse...

VejaBlog
Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil!
http://www.vejablog.com.br

Parabéns pelo seu Blog!!!

Você está fazendo parte da maior e melhor
seleção de Blogs/Sites do País!!!
- Só Sites e Blogs Premiados -
Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre
os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!

O seu link encontra-se no item: Blog

http://www.vejablog.com.br/blog

- Os links encontram-se rigorosamente
em ordem alfabética -

Pegue nosso selo em:
http://www.vejablog.com.br/selo


Um forte abraço,
Dário Dutra

http://www.vejablog.com.br
....................................................................